Chikungunya (colocado a 14-08-2017)

Alerta 18 / 2017 -  Chikungunya no sul da França 

Fonte: France - Agence Nationale de Securité du Médicament (ANSM)

No dia 11 de agosto, o primeiro caso de Chikungunya foi confirmado no sul da França metropolitana (perto de Toulon - Var). O início dos sintomas deste caso ocorreu no dia 2 de agosto.

Outros 2 casos na mesma aldeia são suspeitos, mas não foram confirmados. O inicio dos sintomas nestes casos ocorreu nos dias 3 e 7 de agosto.

O caso do índice não é conhecido.
Foi reforçada a informação do dador sobre informação pós-dádiva no departamento de Var e foram canceladas as sessões móveis no local envolvido pelos casos (confirmados e suspeitos).

Pensamos adequado para a prevenção do risco de transmissão de Chikungunya através da transfusão  a manutenção da suspensão dos candidatos à dádiva que tenham permanecido pelo menos uma noite na referida região de França por um período de 28 dias e reforçar a informação do dador sobre informação pós-dádiva

Alerta 12/2017  -   Itália - medidas precaucionárias  na transmissão de Chikungunya

Segundo o ECDC, em 24 de junho, as Autoridades de Saúde italianas de Parma, Emiglia Romana,  reportaram 1 caso importado de Chikungunya, num viajante regressado.

Uma vez  que vetor competente da doença está presente naquela região foram implementadas, imediatamente, medidas de controlo de vetores num raio de 100 mts. do local onde o caso foi detetado.

Em 2016 tinham sido confirmados 2 casos da doença em Itália, ambos importados.

Mantemos a atenção sobre os desenvolvimentos que forem ocorrendo, os quais comunicaremos.

 

Alerta 21/2015 - Atualização da informação referente  a caso de Chikungunya em Espanha. Suspensão das medidas de prevenção da sua transmissão através da transfusão

 

Recebemos através da Direcção Geral da Saúde nova actualização da informação referente ao primeiro caso de Chikungunya em Espanha sem história de viagem para regiões endémicas, comunicado a V Exas através do Alerta 13, no dia 7 de Agosto de 2015, e do Alerta 21, no dia 3 de Setembro de 2015.

Fomos informados através da Direcção Geral da Saúde que as autoridades de saúde espanholas reportaram, a 11 de setembro que o resultado dos testes feitos a caso suspeito de infeção por Chikungunya foi negativo, mas positivo para parvovírus.

Assim  ficam suspensas as medidas para a prevenção do Chikungunya através da transfusão, constantes do Alerta 21 de 3 de Setembro de 2015.

Mais informações, consulte:

http://ecdc.europa.eu/en/healthtopics/chikungunya_fever/pages/index.aspx

Loading...
Loading...